O Quarto de Jack (Room) – 2015

Oieeeeeeeee!!

Hoje vou recomendar um filme que concorreu ao Oscar 2016, O Quarto de Jack (Room). O filme foi indicado à quatro categorias do Oscar e venceu uma – Melhor Atriz para Brie Larson.

o quarto de jack ROOM 2015

Sinopse: Joy (Brie Larson) e seu filho Jack (Jacob Tremblay) vivem isolados em um quarto. O único contato que ambos têm com o mundo exterior é a visita periódica do Velho Nick (Sean Bridgers), que os mantém em cativeiro. Joy faz o possível para tornar suportável a vida no local, mas não vê a hora de deixá-lo. Para tanto, elabora um plano em que, com a ajuda do filho, poderá enganar Nick e retornar à realidade.

Aaaaah! O filme foi indicado em três categorias no Globo de Ouro e venceu uma também, melhor atriz em filme de drama para – adivinha?-  Brie Larson!

  1. Se você não gosta de filmes do gênero drama,”O quarto de Jack” não é um filme para você! O filme é bem dramático.
  2. Jack é uma criança que nos ensina muita coisa, ele é forte e sensível ao mesmo tempo! Apesar de ser muito triste, é um filme bonito.
  3. Única ressalva que faço é que o que filme deixou com algumas dúvidas e perguntas sem resposta… Eu senti falta de alguma coisas, explicações!

 

Nota IMDB: 8,3

Trailer: 

E aí, vocês já assistiram? O que acharam?

Beijos e até mais!

 

Anúncios

14 comentários sobre “O Quarto de Jack (Room) – 2015

  1. Um belo filme. Mas concordo com você sobre o fato de que algumas coisas parecem ter ficado meio soltas no filme. Para quem não leu o livro, fica dificil entender certos detalhes, por exemplo, muita gente me disse que achava que o sequestrador fugiu, isso porque a cena que mostra ele sendo preso se resume a uma reportagem na tv (quando eles estão no hospital), e o audio não aparece nas legendas, apenas em inglês. O livro tem muita coisa que não foi usada no filme.

    Curtido por 1 pessoa

      • Bom, sobre o pai, realmente ele só aparece naquelas duas cenas, no hospital e em casa. No livro, ele tinha se casado e mudado pra Austrália (talvez um jeito de a autora justificar a sua ausência). Acompanho a carreira do iretor do filme e ele faz os filmes de um jeito be conceitual, bem mais visual, valorizando angulos de camera. Só que pra quem não leu o livro, algumas coisas se perdem um pouco, e ficam soltas. No livro, você experimenta várias emoções diferentes, mas em alguns momentos não dá pra não rir com as coisas que o Jack fala, é muito engraçado o jeito como ele vê e descreve o seu mundo (o do Quarto), e o mundo lá fora depois que saem. Se quiser, pode dar uma olhada no meu canal do youtube, eu coloquei uns trechos do livro com a trilha sonora do filme, apenas alguns que mais me cativaram, é só procurar “kleber cruz, quarto de jack”. Um abraço.

        Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s