Game of Thrones: Pedra do Dragão, o castelo de Daenerys

Na estreia da 7ª temporada de Game of Thrones, vimos Daenerys (Emilia Clarke) chegando a Westeros, após uma longa jornada para criar um exército e consolidar seu poder. Porém ela ainda não chegou ao continente – em vez disso, ela chegou em um lugar que faz parte da história de sua família: Pedra do Dragão.

Imagem relacionada

Pedra do Dragão era a casa ancestral dos Targaryen há centenas de anos. É uma ilha vulcânica na foz da Baía da Água Negra, criada por um vulcão ativo chamado Monte Dragão. O castelo de Pedra do Dragão é uma pequena fortaleza localizada na face do vulcão. Fora de suas muralhas, há uma pequena vila de pescadores na costa tempestuosa.

A ilha é onde a família Targaryen se estabeleceu após deixarem Valyria, no continente de Essos, depois sua queda, que ficou conhecida como A Perdição de Valyria, e que deixou os Targaryens com os últimos dragões sobreviventes no mundo. Com isso a casa do Dragão de Três Cabeças com seus dragões, conquistaram e uniram os Sete Reinos de Westeros. O rei Aegon, mais tarde, fundou a capital do reino no lugar onde o exército dele chegou ao continente – Porto Real.

Mas a casa ancestral dos Targareyn sempre foi Pedra de Dragão, e é aí que a pequena Daenerys e Viserys Targaryen estavam vivendo quando a rebelião de Robert Baratheon varreu Westeros e seu pai, o rei louco Aerys Targaryen e o irmão Rhaegar foram mortos.

Resultado de imagem para game of thrones se07ep01+daenerys+dragonstone

Depois que Robert se tornou rei, a família Baratheon assumiu Pedra do Dragão e o castelo foi habitado por Stannis Baratheon (Stephen Dillane) e sua família. Ele continuou a viver lá na Guerra dos Cinco Reis, usando o local como sua base de operações durante grande parte da guerra. Stannis foi derrotado em Winterfell pelo exército de Bolton e morreu logo depois, deixando Pedra do Dragão vago.

Além de sua longa história com os Targaryen e os Baratheon, há um outro elemento que torna Pedra do Dragão um local muito importante para a série. Sam Tarly descobriu no episódio de estréia da sétima temporada que a ilha vulcânica contém grandes quantidades de Vidro de Dragão, também conhecido como obsidiana – uma das duas únicas substâncias conhecidas por serem capazes de matar os Caminhantes Brancos

O QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE OS CAMINHANTES BRANCOS

Como os Caminhantes Brancos ameaçando e Daenerys se preparando para retomar o Trono de Ferro, tudo  leva a crer que Pedra do Dragão será um lugar de grande importância na 7ª temporada. Vamos aguardar e descobrir!

Quais suas teorias sobre Pedra do Dragão? Deixe seu comentário e acompanhe o site Feededigno nas redes sociais para mais novidades:

Facebook – Twitter – Instagram – Pinterest

A Bela e a Fera: A evolução do clássico da Disney

Depois da estreia do tão esperado filme da Disney, A Bela e a Fera em live-action, estrelado por Emma Watson (Bela), Dan Stevens (Fera), Luke Evans (Gaston), Josh Gad (Lefou) e Sir Ian McKellen (Horloge) não poderíamos deixar de homenagear esse lindo clássico mundial.

La Belle et la Bête, um conto de fadas francês, teve a primeira versão publicada por Gabrielle-Suzanne Barbot, Dama de Villeneuve, em 1740.

A versão mais conhecida foi um resumo de sua obra, publicado em 1756 por Madame Jeanne-Marie LePrince de Beaumont, no Magasin des Petites Enfants. E sua versão em inglês surgiu no ano seguinte, 1757.

No ano de 1946, foi lançado o primeiro filme inspirado no conto, escrito pelo cineasta francês Jean Cocteau. Um filme bem humorado estrelado por Josette Day e Jean Marais.

E no ano de 1952, tivemos um desenho animado soviético chamado A Flor Vermelha que foi baseado em um versão do conto escrita por Sergei Aksakov.

Já no ano de 1962, foi lançada a primeira adaptação live-action em inglês, com Joyce Taylor e Mark Damon traz a Fera como um príncipe transformado em lobisomem. 

Em 1987, surgiu o primeiro musical inspirado em “A Bela e a Fera”, com o mesmo nome e filmado em Israel.

Em 1987, foi lançada uma série de TV, que contava a história de Linda Hamilton  uma advogada de Manhattan cuja vida foi transformada quando uma Fera chamada Vincent (Ron Perlman) a resgata de um ataque. O programa ficou no ar por três temporadas. (CURIOSIDADE: George R. R. Martin, de Game Of Thrones trabalhou como escritor na série.)

Em 1991, foi lançado o clássico filme da Disney! Neste o castelo da Fera fora encantado por uma fada disfarçada que no passado oferecera uma rosa a um príncipe soberbo, que recusando-a, fora transformado em fera. Os criados do príncipe foram transformados em objetos domésticos (LINDOS!) e ele tem um prazo para se casar com uma mulher que aceite seu amor até que a última pétala de uma rosa caia.

//giphy.com/embed/10iuzA464T5OF2

Em 2011, o filme Beastly trouxe uma versão moderna do conto. Onde Kyle é um jovem com um rosto desfigurado graças a uma antiga colega de escola que no passado fora humilhada por ele.

No mesmo ano, uma nova adaptação da história foi ao ar na série Once Upon a Time.

Em 2012, estreou a série Beauty and The Beast na rede de TV americana CW. A série ficou no ar por quatro temporadas e era estrelada por  Kristin Kreuk e Jay Ryan.

Em 2014, foi lançado o filme francês La Belle et la Béte estrelado por  Léa Seydoux e Vincent Cassel. Aqui a trama é um pouco diferente, a maldição da fera foi lançada por um deus da floresta, que o condenou a viver como monstro até que encontrasse alguém que o amasse.

E em 2017…

 

E aí, galera? Vocês já conheciam todos esses filmes e séries? Conte aí nos comentários! Vou adorar saber!

Esse post foi feito originalmente para o site Feededigno! Confira o original aqui!

This Is Us (2016-)

This Is Us é uma série transmitida pela rede de TV americana NBC, que estreou em 2016. Está fazendo muito sucesso e, com menos de 1 ano, já faturou alguns prêmios – como o de Melhor Série de Drama, no People’s Choice Awards.

Como era de se esperar, a curiosidade surgiu com força e comecei a assistir a série. E não é que foi uma surpresa excelente?!

O que me surpreendeu de cara foi o elenco. Eu sou fã do Milo Ventimiglia desde que ele era o Peter Petrelli de Heroes, e que adolescente nunca assistiu Um Amor Para Recordar com a Mandy Moore? Difícil, né! Além de tudo, temos o Justin Hartley que fez o Oliver Queen em Smallville

O primeiro episódio se inicia com a seguinte legenda: “Segundo a Wikipedia, o ser humano compartilha seu aniversário com mais de 18 milhões de outros seres humanos. Não há evidências de que compartilhar o mesmo aniversário crie qualquer tipo de ligação comportamental entre essas pessoas. Se houver, a Wikipedia ainda não descobriu para nós. ” E começa a contar a história de um casal e seus trigêmeos.

Essa passagem faz total sentido logo na cena seguinte. Pois o episódio piloto se passa no aniversário de Jack Pearson (Milo Ventimiglia) e de seus três filhos – Randall, Kevin e Kate. Os três fazem aniversário no mesmo dia que o pai. 

O episódio também mostra que a gravidez de trigêmeos de Rebecca Pearson (Mandy Moore) foi muito difícil e ela acabou tendo algumas complicações durante o parto. 

A narrativa da série é feita de uma forma diferente, as vidas de Rebecca, Jack e seus três filhos são apresentadas em momentos distintos. As histórias de Rebecca e Jack geralmente ocorrem durante a fase inicial do casamento, em torno do nascimento dos três filhos, ou em diferentes fases da educação deles.

Histórias separadas sobre Kevin, Kate e Randall também são apresentadas na idade atual deles, cada um com a sua própria bagagem resultante dessa educação: Kevin, que era negligenciado porque não tinha problemas aparentes; Kate, que sempre teve problemas de peso; E Randall, super dotado, criança adotada e que sofria bullying.

This Is Us é uma série tocante, cheia de reviravoltas e que mostra que, assim como na vida real, muitos problemas surgem, mas no final tudo da certo – na medida do possível!

A graça da série são essas reviravoltas e qualquer resenha que dê muitos detalhes do enredo iria atrapalhar a experiência de assistir! 

Este post foi escrito para o site Feededigno! Confira o post original aqui

E aí, vocês já assistiram a série? Escrevam abaixo o que vocês acharam do post! 

STRANGER THINGS: 5 PERGUNTAS QUE FICARAM SEM RESPOSTA

Desde sua estreia, no começo do mês de julho do ano passado, Stranger Things deu o que falar… Muita gente devorou os seus 8 episódios em pouco tempo, porém ficaram algumas dúvidas no ar.

Em uma entrevista coletiva na Associação dos Críticos de TV, os produtores da série Matt e Ross Duffer afirmaram que já imaginam como será a segunda temporada. “Não se trata apenas de pegar outro monstro e ele ser maior, pior. Queremos que essa nova temporada seja diferente, talvez um pouco mais sombria, mas ainda com a sensação de diversão que tivemos na primeira”, afirma Matt.

Pensando nisso, reunimos algumas perguntas que ficaram sem resposta na série.

(CONTÉM SPOILERS)

.

1- Onde está Eleven?

No último episódio, quando El destruiu o monstro com sua mente, ela evaporou no meio de milhares de pedaços do monstro. Mas no final do episódio, Hopper leva uma vasilha com comida e waffles e deixa em uma caixa no meio da floresta. Será que ele sabe onde El está? O que aconteceu com ela?

Stranger-Things-eleven- final - season 1

2 – Onde estão as outras crianças com super poderes?

Se Eleven tem uma tatuagem com o número “011”, devem existir pelo menos mais dez crianças como ela, certo? Será que elas tem os mesmos poderes que ela?

Eleven Tattoo Stranger Things Feededigno

3- Porque Will sobreviveu e Barb morreu?

Qual será a justificativa para isso ter acontecido? Como uma criança que foi para o Mundo Invertido primeiro, conseguiu sobreviver e ela não?! Será que o monstro só ataca quem está machucado? O que Will fez que Barb não fez? #poorbarb

barb-stranger-things-dead

4- Will está bem mesmo?

Será que a saúde de Will está intacta depois de ter passado todo esse tempo no Mundo Invertido? Tudo parecia bem, até que Will cuspiu uma “lesma demônio”. O que aconteceu lá embaixo? Será que Will tem poderes agora?

Lesma Demonio Stranger Things Feededigno

5- O que realmente acontece no Laboratório Hawkins?

Quais são os objetivos deles? Será que estavam fazendo armas contra a URSS mesmo?
Quem realmente é o Dr. Brenner?

Stranger Things

Toda boa série nos deixa com a cabeça cheia de perguntas e um gostinho de quero mais, não é mesmo!? Com Stranger Things não foi diferente e teremos que esperar as respostas que os Duffer Brothers e a Netflix irão preparar para nós!

E vocês? Ficaram com muitas perguntas depois de assistir? Me conte aqui embaixo!

(Essa postagem foi feita para o site Feededigno, clique aqui para ver a publicação original)

EMERALD CITY: PRIMEIRAS IMPRESSÕES

Oi gente! Tudo bem com vocês? Hoje vou falar um pouco sobre Emerald City, nova série da NBC. Vamos lá?

A série começa no estado americano do Kansas, contando a história de Dorothy Gale (Adria Arjona, de True Detective) enquanto ela procura a verdade sobre sua mãe biológica. Não demora muito para que apareça um tornado que a leva para uma terra mágica, de bruxos, feiticeiros, gigantes e palácios decadentes. Tentando voltar para casa, ela faz amizade com um belo espadachim que ela dá o nome de Lucas (Oliver Jackson-Cohen), que a ajuda a procurar pelo todo-poderoso Mágico de Oz (Vincent D’Onofrio, de Demolidor).

emerald-city-nbc-tv-series-590x392

Essa história parece familiar, não é mesmo? Pois é, trata-se de um rebootde O Mágico de Oz. Porém, enquanto o conto clássico é rico o suficiente para suportar uma narração moderna (o canal Syfy fez exatamente isso em 2007 com Tin Man, estrelado por Zooey Deschanel), os scripts de Emerald City parecem estar marcando caixas em uma checklist. Dorothyé uma enfermeira com problemas graves com a mãe. O equivalente aoEspantalho, Lucas, é alguém que admite matar pessoas. Os Munchkins são selvagens, Wildlings como guerreiros tribais. É tudo muito sombrio e sem humor – O Mágico de Oz não deveria ser pelo menos um pouco divertido? – e, no caso de você estar se perguntando, a série não é nada apropriada para as crianças.

emerald-city

Apesar disso, Emerald City é  um presente para os olhos, com paisagens fantásticas e trajes maravilhosamente elaborados, como a capa esvoaçante de fitas vermelhas usada pela Bruxa Má do Leste.

wicked-witch-of-the-east

Todos os 10 episódios são dirigidos por Tarsem Singh, o “visionário” por trás do thriller de J.Lo, A Cela, do filme Espelho, Espelho meu, e do mítico videoclipe “Losing My Religion” do R.E.M. Então, apesar de Emerald City ter toda a profundidade emocional de um clipe de música, pelo menos há coisas bonitas para olhar ao longo do caminho.

Depois de vários anos de desenvolvimento (e algumas mudanças nos bastidores), a NBC estreou Emerald City no dia 06 de janeiro. Uma série ambiciosa – com uma nova versão sobre O Mágico de Oz,  filmada internacionalmente, com um mesmo diretor dirigindo todos os episódios. Infelizmente, o resultado final é decepcionante; tornando-se uma série de TV que certamente se sente diferente, mas que não entrega personagens atraentes, dando a coisa toda um sentimento de vazio.

wizard-of-oz

Como fã do clássico filme “O Mágico de Oz“, me decepcionei com Emerald City. Assisti aos três primeiros episódios da série e irei acompanhar, na esperança de que ela se torne mais envolvente.

Emerald City vai ao ar todas as sextas, na NBC e na Fox Premium (Brasil).

Esse post foi publicado também no site Feededigno.

E aí, vocês já assistiram à série? Se sim, deixem nos comentários o que vocês acharam!

Até a próxima!

 

The Ranch (2016)

Oi geeeente!

Quem aqui é fã de Netflix? Eu sou muito!!! ❤ Por isso, hoje estou aqui para indicar a nova série da Netflix – The Ranch!

Ultimamente tenho ficado até confusa com a quantidade enorme de lançamentos na Netflix, são taaaantos que fico até perdida! Mas, The Ranch me conquistou com esse vídeo aqui – eles “dublando” a música “Saudade da Minha Terra”… kkkkkkkk

THE RANCH NETFLIX

Netflix 2016

Sinopse:“The Ranch” se encontra em um cenário em Colorado, onde Colt Bennett (Ashton Kutcher), retorna à sua cidade natal depois de uma breve carreira de jogo semi-profissional no futebol americano. Ele segue o negócio da família com seu irmão Jimmy (Danny Masterson) e seu pai (Sam Elliott).

THE RANCH NETFLIX 2

Trata-se de uma comédia leve e com um humor bem ácido. O temperamento díficil de Beau (Sam Elliott) é muito engraçado e me fez rir o tempo todo!

Quando comecei a assistir a série, achei a pegada bem semelhante à Two and a Half Men e, após uma pesquisa rápida no mestre Google, descobri que os criadores de ambas são os mesmos – Jim Patterson e Don Reo.

A série estreou dia 01 de abril! Já devorei toda a primeira temporada e aguardando a próxima! 🙂

 

Nota IMDB: 7,5

Trailer:

 

E aí? Vocês gostam desse estilo de série?

Assistiram algum episódio?

Espero que vocês tenham gostado do post!

Beijos e até mais!

INSTAGRAM: Atores de Flash [2]

Oi gente!

Já fiz uma lista dessas aqui no blog antes, com os principais atores da série. Se ainda não viu, clique aqui!

Aqui teremos o Instagram dos novos personagens da série e de alguns que ficaram de fora na última lista!

Patt – Shantel VanSanten @therealshantel

flash patt barry shantel

Jay Garrick (Flash Terra 2) – Teddy Sears @teddysears

_The_Flash_Teddy_Sears_01

Ronnie – Robbie Amell (1ª temp) @robbieamell

the-flash-deathstorm

Henry Allen – John Wesley Shipp @johnwesleyshipp

Henry_Allen_John_Wesley_Shipp-1

The Flash – “Things You Can’t Outrun” – Image FLA103c_0124b – Pictured: Wesley Shipp as Henry Allen – Photo: Cate Cameron/The CW© 2014 The CW Network, LLC. All rights reserved.

Captain Cold/Leonard Snart – Wentworth Miller @wentworthmilleractorwriter

wentworth miller flash.jpg

 

E aí, gostaram da lista?

E não se esqueçam de dar uma olhada na primeira, hein!?  Lá temos o Instagram dos atores principais da série! 🙂

Beijos e até mais!