Star Wars: Os Últimos Jedi | Confira trailer dos bastidores do filme

Durante a D23, a Disney divulgou um vídeo com os bastidores do novo filme da franquia Star Wars.

O vídeo traz breves entrevistas e prévias inéditas de algumas cenas do Episódio VIII da saga, os trechos dos bastidores também trazem momentos com personagens como: Rey, Finn, Chewbacca, General Leia e outros. Confira!

Star Wars: Os Últimos Jedi estreia nos cinemas de todo o Brasil no dia 14 de dezembro.

E aí, gostaram do vídeo? Conte aqui abaixo nos comentários!

Esse post foi escrito originalmente para o site Feededigno. Para ficar por dentro de todas as novidades de Star Wars não deixe de acompanhá-los nas redes sociais!

FacebookTwitter – InstagramPinterest 

Anúncios

CRÍTICA – Soundtrack (2017)

Sountrack conta a história de Cris (Selton Mello)  um fotógrafo que viaja para uma estação de pesquisa polar, com o intuito de realizar selfies para uma exposição de arte. O roteiro do filme é envolvente e nos desperta a curiosidade em saber mais sobre os personagens e, principalmente, sobre Cris e seu misterioso trabalho, que é encarado com estranheza pelos outros outros habitantes da estação. Porque tirar selfies em um lugar tão inóspito?

A ideia de Cris é reproduzir em imagens as sensações causadas pelas músicas de uma playlist selecionada para aquela experiência. Ao chegar na estação, ele se surpreende com visões de mundo completamente diferentes das suas.

Resultado de imagem para filme soundtrack

Na companhia de quatro cientistas que se dedicam a projetos grandiosos: Cao (Seu Jorge), botânico brasileiro que investiga a flora em situações extremas; o britânico Mark (Ralph Ineson), especializado em aquecimento global; o biólogo chinês Huang (Thomas Chaanhing) e o pesquisador dinamarquês Rafnar (Lukas Loughran). Juntos, eles descobrirão novos pontos de vista a respeito da vida e da arte.

Selton Mello teve uma atuação exemplar e conseguiu transmitir ao espectador toda a confusão mental que se passa com seu personagem. O filme é rico em diálogos onde Cris tenta conhecer melhor os cientistas e entender o motivo de estarem ali. Seu Jorge, como Cao, traz leveza ao filme! Ralph Ineson tem um papel de destaque na trama, além de ser o responsável por cuidar de Cris enquanto ele estivesse naquele lugar gelado, surgindo ali uma grande amizade. 

Resultado de imagem para filme soundtrack

A ambientação do filme é excelente e realmente temos a sensação de que as cenas foram gravadas no Polo Norte. Porém, a maioria das cenas foram gravadas no Rio de Janeiro – pasmem – graças a tecnologia! Uma réplica das estações de pesquisa foi instalada em Jacarepaguá, na Zona Oeste da cidade, com toneladas de neve sintética.

Resultado de imagem para filme soundtrack

O filme é de drama, porém possui algumas pitadas de humor que arrancaram boas risadas da plateia. A direção ficou a cargo da dupla 300ml (Manitou Felipe e Bernardo Dutra), conhecidos pelo curta Tarantino’s Mind, de 2006, que também contava com Seu Jorge e Selton Mello no elenco.

Sountrack mostra que o cinema nacional está amadurecendo e se tornando ainda mais aberto a coisas novas, dando espaço para histórias originais. Que continue assim!

Confira o trailer do filme:

Soundtrack estreou no dia 06 de junho nos cinemas de todo o Brasil!

Esse post foi escrito originalmente para o site Feededigno, para saber todas as novidades do cinema  acompanhe-os nas redes sociais!

FacebookTwitterInstagramPinterest 

 

.

Loucamente Apaixonados (2011)

Oi gente!!!

Hoje temos mais uma sugestão de filme! Uhuuuuu! O filme se chama “Loucamente Apaixonados” (título original: Like Crazy) e está disponível no Netflix. 🙂

LOUCAMENTE APAIXONADOS LIKE CRAZY

Sinopse: A inglesa Anna (Felicity Jones) está estudando nos Estados Unidos quando conhece Jacob (Anton Yelchin), um jovem americano. Eles apaixonam-se e vivem uma breve história de amor. A jovem ultrapassa o limite de estadia, violando o visto de estudos para ficar com o amado, e quando ela sai do país não consegue mais voltar. Morando em continentes diferentes, eles tentam manter uma relação à distância e lutam para ficar juntos outra vez.

Vi um  vídeo da Karol Pinheiro (“Os meus 5 romances favoritos da Netflix”) e ela falou um pouco sobre o filme – que eu nunca tinha parado para assistir! Fiquei curiosa e fui correndo ver 🙂

Gostei bastante… E a história dele é ainda mais especial para aquelas pessoas que já vivenciaram um relacionamento à distância.

Já conhecia a Felicity Jones de “A Teoria de Tudo” – quando ela foi indicada ao Oscar de melhor atriz. Porém, nesse filme ela está mais leve e, mesmo assim, nos faz sofrer durante suas idas e vindas.

Em alguns sites o filme é colocado como sendo do gênero drama, mas pode ser considerado um romance sim! ❤

 

Nota IMDB: 6,7

Trailer:

 

Se você gosta de um filme de romance, vale muito a pena assistir! Corre para o Netflix e depois vem contar o que achou! Eu vou adorar saber! 🙂

E quem aí já viu?! Me conta nos comentários!

Beijos e até mais!

Dia do Índio: sugestão de filme

Oi gente!

Hoje é o Dia do Índio! Uhuuuuu!

Por isso, resolvi trazer uma sugestão de filme para celebrar essa data! O meu escolhido foi “Dança com Lobos“, de 1990! 🙂

DANCES WITH WOLVES BANNER

Sinopse: Durante a Guerra Civil, um jovem soldado, chamado John Dunbar (Kevin Costner) pratica um ato ousado, é considerado herói e vai servir – por sua escolha – em um lugar com forte predominância do povo Sioux. Com o tempo, ele assimila os costumes dos nativos, acontecendo uma aculturação às avessas.

dances with wolves

O ritmo do filme pode ser considerado lento para alguns. Para mim, tudo acontece no seu tempo e o desenrolar do filme se dá com muita sutileza e beleza. E que filme bonito!!!

Dança com Lobos foi dirigido e estrelado por Kevin Costner – o primeiro filme dirigido por ele e venceu 7 Oscars! Podemos dizer que ele começou com o pé direito, né!? 🙂

Além de ser um filme com uma fotografia incrível, a trilha sonora é maravilhosa ❤

DANCES WITH WOLVES SOUNDTRACK 1990 BRUNAMELS

Se você já conhece o filme, deixe o seu comentário me dizendo o que acha…E se você nunca viu, veja! Vale muito a pena! ❤

Se quiser saber mais sobre filme, tem uma resenha muito boa e super completa do Cinema e Debate – aqui!

Nota IMDB: 8,0

Trailer: 

 

Espero muito que vocês tenham gostado da sugestão! ❤

Beijos e até a próxima!

O Sal da Terra (The Salt Of The Earth) – 2014

Oi pessoal!

Hoje vou falar do documentário franco-ítalo-brasileiro “O Sal da Terra”.

O sal da terra

Sinopse: O filme conta um pouco da longa trajetória do renomado fotógrafo brasileiro Sebastião Salgado e apresenta seu ambicioso projeto “Gênesis”, expedição que tem como objetivo registrar, a partir de imagens, civilizações e regiões do planeta até então inexploradas.

Conheci o trabalho do fotógrafo Sebastião Salgado há poucos anos, acho que em 2013. Não lembro direito se foi em uma reportagem do Fantástico ou uma entrevista no Jô Soares. Só sei que no ano de 2014, fui em uma mostra no CCBB do seu trabalho “Gênesis” e me apaixonei de vez! ❤

Imagem-da-mostra-Genesis-de-Sebastião-Salgado-4

Foto: Sebastião Salgado

É uma pena eu não ter conhecido antes, pois ele é, sem dúvidas, um dos melhores fotógrafos do mundo! Além de ser uma pessoa engajada em diversas causas interessantes.

Não sei se vocês sabem, mas me importo muito com questões ambientais. Cresci em um sítio no interior do estado do Rio de Janeiro, lá aprendi a amar os animais e a natureza em geral. No interior, você vê todo tipo de atrocidades cometidas contra o meio ambiente, e boa parte das pessoas fazem por pura ignorância.

Sebastião Salgado 1

Foto: Sebastião Salgado

Esse último trabalho do Sebastião Salgado me deixou intrigada e ainda mais encantada com o nosso planeta! Temos tantos lugares intocados, ainda nos dias de hoje… Além do trabalho como fotógrafo, ele ainda fez/faz um trabalho incrível na antiga fazenda de sua família. Ele transformou a área no Instituto Terra e plantou mais de 2,5 milhões de árvores.

sebastiao salgado iguana

Foto: Sebastião Salgado

Esse documentário conta a história desse fotógrafo, que sou super fã, desde seus primeiros trabalhos até a sua obra-prima “Gênesis”. É um trabalho lindo, que foi indicado ao Oscar de Melhor Documentário, neste ano.

sebastião salgado

Foto: Sebastião Salgado

Acredito que não seja um documentário que interessaria a todos, interessa sobretudo àqueles que, assim como eu, admiram o seu trabalho e sua história.

Sebastião Salgado

Um pouco mais sobre sua história pode ser encontrado aqui!

Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=pG3YLpZKomE

Nota do filme no IMDB: 8,4

E aí, vocês já viram?

Beijos! Até mais!

Cidades de Papel (Paper Towns) – 2015

Oi pessoal,

ontem tive o prazer de assistir à première de Cidades de Papel. Já havia falado aqui no blog como estava ansiosa para ver esse filme. Acabei ganhando um par de ingressos para assistir ao filme no Shopping Iguatemi, aqui em Brasília/DF! 🙂

A première do filme foi no Cine Odeon, no Rio de Janeiro, e contou com a presença do autor John Green e do ator Nat Wolff.

Quem acompanha o autor John Green no Instagram, deve ter visto que ele está em terras brasileiras há uns dias e já postou algumas fotos, inclusive usando uma camisa da seleção brasileira.

Cidades de Papel 1

Sinopse: “A história é centrada em Quentin Jacobsen (Nat Wolff) e sua enigmática vizinha e colega de escola Margo Roth Spiegelman (Cara Delevingne). Ele nutre uma paixão platônica por ela. E não pensa duas vezes quando a menina invade seu quarto propondo que ele participe de um engenhoso plano de vingança. Mas, depois da noite de aventura, Margo desaparece – não sem deixar pistas sobre o seu paradeiro.”

Paper Towns

Comentários: 

  • O filme é baseado no livro, de mesmo nome, escrito por John Green (mesmo autor de “A Culpa é das Estrelas”).
  • Me surpreendi positivamente com o filme. Ele é leve e cheio de cenas de humor! Ao contrário de “A Culpa é das Estrelas” que é romântico, dramático e triste. Cidades de Papel tem uma levada bem diferente.
  • Se você espera algo parecido com “A Culpa é das Estrelas” desista! Esse filme não tem nada a ver com ele!
  • É super difícil comentar o filme e não dar spoilers, maaaaas posso dizer que no meio do filme temos uma surpresinha. hahahahahaha.
  • Comecei a ler o livro e ainda não terminei, mas ouso dizer que gostei mais do filme – me julguem! O Quentin do filme é mais corajoso, mais bem humorado… Achei o filme mais emocionante e com ainda mais aventura!
  • Ganhei um lencinho super fofo, mas que não serviu para muita coisa. Só se eu tivesse chorado de rir! hahahaha…
  • Ahhhhh, já ia esquecendo! A trilha sonora é ótima! ❤

O filme estreia do 09 de julho nos cinemas! 🙂

Beijos e até mais!

Bem vindo à vida (People Like Us) – 2012

Oi pessoal, tudo bom?

Tem um tempão que não falo de filmes, né?! Hoje vim falar para vocês! 🙂

Ontem a noite assisti no Netflix ao filme “Bem vindo à vida” ou “People Like Us”.

People Like Us 2

SinopseApós a morte do pai, Sam (Chris Pine) recebe a incumbência de entregar parte da herança para Frankie (Elizabeth Banks), uma irmã que ele não conhecia. Ao procurar iniciar um contato com ela, sem revelar o parentesco, Sam acaba mudando toda sua vida, incluindo as relações com a mãe (Michelle Pfeiffer) e com a namorada (Olivia Wilde).

Photo by Zade Rosenthal - © DreamWorks II Distribution Co., LLC. All Rights Reserved

Photo by Zade Rosenthal – © DreamWorks II Distribution Co., LLC. All Rights Reserved

Comentários:

Apesar de ser um filme de drama, não é muito pesado e vai se desenrolando de forma leve. Algumas partes são bem forçadas, como a raiva que o filho tem do próprio pai. (Dava vontade de sacudir ele e dizer:                  -Helloooooow, o seu pai morreu!)

Fora isso, é um filme “ok”, tem umas partes legais/bonitinhas. É um bom filme do gênero drama (que não é o meu favorito. hahaha).

Photo by Zade Rosenthal - © DreamWorks II Distribution Co., LLC. All Rights Reserved

Photo by Zade Rosenthal – © DreamWorks II Distribution Co., LLC. All Rights Reserved

Trailer:

E aí? Vocês já viram esse filme? O que acharam?

Beijos, até mais 🙂